11,25 

Mulheres (Livro de Bolso)

«O grande romance de Bukowski, repleto de episódios hilariantes.» – Uncut

«Um poema sobre o amor e a dor.» – Los Angeles Times

Recomendado pelo Plano Nacional de Leitura

774 em stock

Características

Chancela Alfaguara

ISBN 9789896656164
Data de publicação Junho de 2018
Páginas 384
Apresentação capa dura
Dimensões 140x240x13mm

Género

Coleção Alfaguara

Idade recomendada Adultos
Partilhar:
Descrição

«E, no entanto, as mulheres – as boas mulheres – assustavam-me porque acabavam por querer a alma de um tipo, e a minha vontade era conservar o que sobrava da minha.»

Escritor marginal e alcoólico inveterado, Henry Chinaski é um sobrevivente nato. Aos 50 anos, após décadas de biscates mal pagos e sem futuro, a estourar dinheiro com mulheres e copos, a sua carreira como poeta lança-o finalmente para o estrelato. O sucesso inesperado traz consigo um desejo insaciável de recuperar o tempo perdido, de viver o que não viveu, beber o que não bebeu, perder o que nunca teve. Um ritmo frenético de encontros sexuais e ressacas épicas compõem o retrato de um hedonista incorrigível que procura nas mulheres, não o amor, mas a inspiração.

Romance semiautobiográfico, Mulheres é um relato brutalmente humano e honesto de noites intoxicadas e mulheres perdidas. No seu registo cru e negro e com uma perspicácia caricatural sobre os relacionamentos humanos, Bukowski recebe-nos no seu quotidiano rocambolesco, onde há sempre mais uma cerveja por abrir e uma mulher para seduzir.

Os elogios da crítica:
«Um daqueles escritores que cada novo leitor descobre com um entusiasmo transgressivo.»
New Yorker

«Desde Orwell que a condição do miserável não era tão bem retratada.»

The New York Times

«Ele trazia todos de volta à Terra. Até os anjos.»

Leonard Cohen

«Bukowski escreve como um sábio louco; fala das entranhas, sobre a futilidade e a beleza da vida.»

Publishers Weekly

«Numa época de conformidade, Bukowski escreveu sobre aqueles que ninguém quer ser: os feios, egoístas, solitários e loucos.»

The Observer

«Há uma aspereza muito real nas personagens dos romances de Bukowski.»

The New York Times Review of Books

«Um laureado da vida marginal americana.»

Time

«Um agitador profissional… representante da marginalidade de Los Angeles… Bukowski escreve, com uma insistência louca e romântica, que os falhados são menos falsos que os vencedores. E fá-lo com uma intensa compaixão pelas almas perdidas.»

Newsweek

«O que acontece com Bukowski é que, quando lemos o que tem para dizer, ele tem razão.»

Sean Penn

«Nas suas respectivas gerações, Wordsworth, Whitman, William Carlos Williams e os Beats aproximaram a poesia de uma linguagem mais natural. Bukowski foi ainda mais longe.»

Los Angeles Times Book Review

«Divertido, mordaz, observador, inteligente nos apontamentos e honesto.»

Times Literary Supplement

Do mesmo autor

17,95 

Os cães ladram facas

13,50 

O capitão saiu para almoçar e os marinheiros tomaram o navio

15,71 

Factotum

16,97 

Histórias de loucura normal

17,96 

Mulheres

17,96 

Matemáticas da escrita

11,65 

Hollywood (Livro de Bolso)

17,96 

A mulher mais bonita da cidade

11,66 

A sul de nenhum norte (Livro de Bolso)

11,66 

Histórias de loucura normal (Livro de Bolso)

Outras sugestões
Nenhum resultado encontrado.
Artigos relacionados com o autor